Estacas pré-moldadas de concreto: Principais características e dicas

Eduardo Daldegan
Eduardo Daldegan Publicado em 9 de novembro de 2016

É muito comum no mercado da construção civil brasileiro a utilização de estacas pré-moldadas de concreto.

Em diversos casos, os elementos de fundação pré-moldados podem garantir a viabilidade técnica e econômica de algumas obras. Quando bem utilizadas, as estacas pré-moldadas garantem uma boa redução de custos.

Por ser um elemento pré-fabricado, este tipo de estaca possui uma grande vantagem em relação às estacas de concreto moldadas no local. Esta vantagem é o controle de qualidade. Na execução de estacas escavadas é muito difícil garantir que o elemento estrutural seja concretado em perfeitas condições.

As estacas pré-moldadas de concreto são excelentes opções para execução de fundação em solos com lençol freático próximo ao nível do solo.

Além disso colaboram significativamente com uma obra mais limpa, visto que não existe escavação. Desta forma, a eliminação de custos com bota fora e limpeza da obra são grandes benefícios.

Características das estacas pré-moldadas de concreto

Existem diversas característica que diferem os tipos de estacas pré-moldadas de concreto. Confira as principais abaixo:

1 – Estrutura da estaca:

dicas de estacas pré-moldadas de concretoAs estacas podem ser de dois tipos, quanto a sua estrutura. Elas podem ser fabricadas com concreto armado ou com o concreto protendido.

As estacas de concreto protendido, geralmente, são fabricadas com concreto de grande resistência.

Possuem um custo de aquisição mais elevado, entretanto possuem maior resistência estrutural que a estaca de concreto armado.

A opção pelo tipo de estaca a ser adotado deve ser feita por um engenheiro especialista.

2 – Geometria da estaca:

Outra característica importante das estacas é sua geometria. A geometria irá interferir diretamente na capacidade de carga da estaca, devido a área de atrito entre estaca e solo.

É possível encontrar estacas com as seguintes geometrias:

  • Quadrada;
  • Circular;
  • Sextavada;
  • Octogonal;
  • Forma de estrela.

As estacas pré-moldadas também podem ter seção maciça ou vazada. A seção vazada proporciona uma peça estrutural mais leve, o que colabora com o transporte, movimentação e cravação.

É possível adquirir estacas com comprimentos que variam de 4 a 12 metros. Em fundações que exigirem um comprimento maior, será necessário a utilização de emendas.

3 – Tipos de cravação:

As estacas pré-moldadas de concreto podem ser cravadas de três maneiras distintas, por vibração, percussão e prensagem.

A escolha do tipo de equipamento utilizado para a cravação deverá levar em conta o tipo da estaca, tamanho da estaca, tipo e resistência do solo, edificações vizinhas à construção, projeto de fundação e características próprias de cada obra.

Outro fator importante na escolha do equipamento é o custo da cravação.

4 – Processo de fabricação:

As estacas ainda podem se diferenciar pelo processo de fabricação.

Algumas estacas são fabricadas com concreto vibrado e outras com concreto centrifugado. Podem ser utilizadas formas horizontais ou verticais.

As estacas são dimensionadas para resistir não só às cargas de fundação, mas também às cargas durante a fabricação, transporte e manuseio na obra.

Principais cuidados com a execução

Durante a execução das estacas pré-moldadas de concreto alguns cuidados devem ser tomados, para que a fundação seja executada de maneira satisfatória.

Esta execução é muito simples, os principais passos são:

  • Posicionamento da estaca;
  • Cravação com equipamento indicado;
  • Controle da capacidade de carga.

O primeiro cuidado é quanto ao controle de qualidade da fundação. Todas as estacas que chegam da fábrica são identificadas e possuem informações importantes como a data da concretagem. Este controle deve continuar em obra, registrando todas as peças utilizadas em o local onde foram cravadas.

Outro cuidado importante é quanto ao posicionamento e prumo da estaca. A estaca deve ser posicionada acima do ponto de cravação e verificado o alinhamento com este ponto. Além disso, o equipamento e estaca devem estar perfeitamente aprumados.

Para controle da cravação a estaca deve ser marcada de metro em metro. Assim é possível registrar quantos golpes foram necessários para cravação de cada metro da estaca e a profundidade já penetrada.

Outro cuidado importante é quanto à nega. A nega é um método simples de aferição da capacidade de carga da estaca, quando a mesma já atingiu a profundidade indicada em projeto. A nega consiste no deslocamento da estaca durante três séries de dez golpes cada para cravação da estaca.

Por fim, o tipo de solo é preponderante no sucesso da cravação de uma estaca. É imprescindível uma sondagem do solo para fazer a opção correta do tipo de estaca para sua fundação. Em solos moles a cravação é simples e sem nenhum tipo de problemas. Aliás, elas são uma excelente opção para terrenos com possibilidade de desmoronamento durante uma escavação.

Entretanto em solos mais resistentes é possível ter problemas com a cravação das estacas, neste caso a cravação pode ser facilitada com o uso de jato de água ou escavação.

Vantagens e desvantagens da estaca pré-moldada de concreto

Como todo elemento de fundação, as estacas pré-moldadas possuem vantagens e desvantagens. Estes pontos devem ser avaliados durante a elaboração de um estudo de viabilidade da fundação.

As principais vantagens de uma fundação com este tipo de estaca são:

  • Alta qualidade dos elementos de fundação;
  • Boa execução em solos moles e com lençol freático próximo ao nível do solo;
  • Contribui com uma obra mais limpa e um canteiro mais organizado;
  • Custo baixo quando comparado a outros tipos de estaca;
  • Execução simples e prática.

Desvantagens do uso da estaca pré-moldada de concreto:

  • Produtividade baixa quando comparada a outros tipos de estacas;
  • Produz muita vibração e ruídos conforme o tipo de equipamento utilizado para cravação;
  • As estacas podem quebrar durante a cravação, quando encontram uma camada de solo muito resistente, matacões ou rocha.

Finalizando

Como pode ver, as estacas pré-moldadas de concreto são simples de serem executadas e podem garantir a viabilidade econômica de fundações em solos moles.

Estar próximo de uma fábrica de pré-moldadas facilita seu uso e reduz custos com transporte.

Agora é colocar a mão na massa e aproveitar mais este tipo de fundação para suas obras.

Espero que tenha gostado do conteúdo. Caso queira contribuir com o conteúdo ou tirar alguma dúvida é só deixar nos comentários.

Compartilhe este artigo com seus amigos, você pode ajudar outras pessoas, é só clicar na rede social de sua preferência.

Até mais e boa obra!

Quer citar este artigo em seu trabalho? Utilize o modelo abaixo:

Daldegan, Eduardo. Estacas pré-moldadas de concreto: Principais características e dicas. Engenharia Concreta, 2016. Disponível em: https://www.engenhariaconcreta.com/estacas-pre-moldadas-de-concreto-principais-caracteristicas-e-dicas/. Acesso em: 23 de julho de 2018.

Copiado!