Projeto de Drenagem: Características e dicas essenciais

Eduardo Daldegan
Eduardo Daldegan Publicado em 22 de março de 2017

O projeto de drenagem é essencial para o sucesso de uma boa obra de infraestrutura urbana, contenções de terra ou estabilização de taludes.

É possível observar no dia a dia de grande parte das cidades brasileiras os problemas decorrentes de um sistema de drenagem inadequado. Não é preciso ter conhecimentos técnicos para perceber que uma boa drenagem é fundamental para a segurança das construções e o bom uso da estrutura urbana de uma cidade.

A drenagem é necessária para captar e direcionar a água para um local adequado. Assim é possível evitar inundações, garantir o funcionamento de muros de arrimo e estruturas de contenção, manter a superfície das rodovias segura para o trânsito de veículos, entre tantos outros objetivos importantes.

Apesar de ser fundamental para diversos tipos de obra, ainda é possível encontrar profissionais ou responsáveis por construções que negligenciam um bom projeto de drenagem.

Algumas soluções de drenagem urbana podem parecer triviais, mas o seu dimensionamento incorreto acarreta problemas que são corriqueiros em muitas regiões do Brasil.

Elementos necessários para um bom projeto de drenagem

dicas e fases importantes de um projeto de drenagemPara o desenvolvimento de projetos de drenagem são necessários alguns elementos para subsidiar o correto dimensionamento de cada elemento de drenagem e dar condições para decisões assertivas em todas as fases do projeto.

São essenciais para o projeto de drenagem pelo menos os seguintes elementos:

  • Estudos hidrológicos;
  • Estudos topográficos;
  • Projetos geométricos;
  • Estudos geotécnicos.

Os estudos hidrológicos contêm todas as informações referentes à pluviosidade da região. São informações importantes que definem a vazão máxima necessária ao sistema de drenagem.

Estes estudos são baseados nas estações pluviométricas espalhadas em todo o território brasileiro.

O estudo topográfico deve ser composto por um bom levantamento topográfico e planialtimétrico. Onde serão descritas todas as informações da região que será drenada, incluindo as dimensões em planta, inclinações, níveis e todo tipo de informações necessária à execução dos serviços.

O projeto geométrico indicará as modificações que serão feitas no terreno, como a execução de cortes e aterros. A drenagem será executada conforme o projeto geométrico apresentado. De forma a conduzir toda a água superficial e ainda proteger os cortes e aterros construídos.

Os estudos geotécnicos também são fundamentais em caso de grandes sistemas de drenagem. É fundamental entender as características do solo que irá receber os elementos de drenagem.

Em alguns casos torna-se necessário o dimensionamento de fundações para estes elementos.

O estudo geotécnico também é muito importante para a execução da obra, onde o construtor poderá conhecer as características do solo que será escavado, a presença do lençol freático, e assim prever a necessidade de escoras ou rebaixamento de lençol freático durante a escavação.

Tipos de soluções para drenagem

É possível classificar os sistemas de drenagem em dois tipos, a drenagem superficial e a drenagem profunda. Os dois sistemas podem ser utilizados de forma independente ou combinados.

1 – Drenagem superficial:

A drenagem superficial é responsável por interceptar, captar e conduzir toda água precipitada que escoa na superfície. Ou seja, toda a água proveniente da chuva que não infiltra no solo e nem evapora.

Os elementos básicos utilizados na drenagem superficial são:

  • Canaletas;
  • Valetas de proteção;
  • Sarjetas;
  • Descida d’água em degraus;
  • Caixas de passagem;
  • Bueiros;
  • Dissipadores de energia;
  • Caixas coletoras;
  • Bacias de captação, entre outros.

2 – Drenagem profunda:

A drenagem profunda também é conhecida como drenagem subterrânea. O seu objetivo vai além da drenagem subsuperficial, pois pretende interceptar a água que já está presente no solo.

O objetivo da drenagem profunda é interceptar ou rebaixar o lençol freático para que sua presença não deteriore a base de estradas ou não gere uma maior pressão sobre os elementos de contenção de taludes.

Os principais elementos utilizados são:

  • Drenos profundos longitudinais;
  • Colchão drenante;
  • Drenos verticais;
  • Drenos cegos;
  • Drenos laterais.

Fases do projeto de drenagem

Na maioria dos casos o projeto de drenagem é desenvolvido em duas fases, a fase do projeto básico e a fase do projeto executivo.

O projeto básico é constituído por diversos tipos de documentos que tem como objetivo apresentar a concepção do projeto.

Para isso, são utilizados relatórios de concepção, plantas e desenhos esquemáticos dos sistemas de drenagem propostos, relação preliminar dos serviços a serem executados e um orçamento preliminar do custo da obra.

O projeto executivo é o projeto completo de drenagem, onde serão fornecidas todas as informações necessárias para a perfeita execução da obra. Esta fase é feita após a aprovação da concepção do projeto, ou seja, após a aprovação do projeto básico.

O projeto executivo será composto de memorial descritivos dos serviços a serem executados, memória de cálculo dos dispositivos de drenagem, memorial justificativo das soluções adotadas, planilha de quantidades, orçamento executivo da obra, plantas, cortes e detalhes construtivos de todos os elementos a serem executados na obra.

Finalizando

Conforme falado no início deste artigo um bom projeto de drenagem é fundamental para o sucesso e a segurança de diversas obras de infraestrutura e contenção de taludes.

Contar com bons profissionais para a execução este tipo de serviço é fundamental para alcançar soluções seguras e economicamente viáveis.

Caso você ainda tenha ficado com alguma dúvida ou quer colaborar com alguma experiência deixe um comentário.

Você também pode compartilhar este conteúdo com seus amigos, é só utilizar uma das redes sociais abaixo.

Forte abraço.

Quer citar este artigo em seu trabalho? Utilize o modelo abaixo:

Daldegan, Eduardo. Projeto de Drenagem: Características e dicas essenciais. Engenharia Concreta, 2017. Disponível em: https://www.engenhariaconcreta.com/projeto-de-drenagem-caracteristicas/. Acesso em: 23 de julho de 2018.

Copiado!